Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /var/www/patologia.medicina.ufrj.br/portal/libraries/cms/application/cms.php on line 464
Graduação - Departamento de Patologia da Faculdade de Medicina - Aneurismas

 

ANEURISMAS  INTRACRANIANOS

 

ANEURISMAS NOS VASOS DO POLÍGONO DE WILLIS

 

UFRJ 82 A6934AneurismaPoligonoWillisTrifurcacao

UFRJ82-A6934.– POLÍGONO DE WILLIS (THOMAS WILLIS, 1621-1675, MÉDICO NEUROANATOMISTA, INGLÊS). OBSERVE NO LADO ESQUERDO, ANEURISMA SACULAR (AN) COM ORIGEM NO PONTO DE RAMIFICAÇÃO/JUNÇÃO ENVOLVENDO AS ARTÉRIAS CEREBRAL MÉDIA ESQUERDA, CEREBRAL ANTERIOR ESQUERDA E A COMUNICANTE POSTERIOR ESQUERDA. DE BAIXO PARA CIMA, NA IMAGEM, OBSERVAM-SE, EM CADA LADO, AS ARTÉRIAS: VERTEBRAIS (A.V.), BASILAR (A.B.), CEREBELARES SUPERIORES (A.Ce.S.), CEREBRAIS POSTERIORES (A.C.P.), COMUNICANTES POSTERIORES (A.Co.P.), CEREBRAIS MÉDIAS (A.C.M.), CEREBRAIS ANTERIORES (A.C.A.), E A COMUNICANTE ANTERIOR (A.Co.A.), QUE UNE AS ARTÉRIAS CEREBRAIS ANTERIORES.  OS ANEURISMAS NO POLÍGONO DE WILLIS SURGEM, USUALMENTE, NA BIFURCAÇÃO OU JUNÇÃO DAS ARTÉRIAS, COMO CITADO ACIMA: 20% A 40% OCORREM NA PORÇÃO TERMINAL DA ARTÉRIA CARÓTIDA INTERNA; 30% A 40% NA JUNÇÃO DAS ARTÉRIAS CEREBRAL ANTERIOR COM A COMUNICANTE ANTERIOR; 20% NA PRIMEIRA RAMIFICAÇÃO DA ARTÉRIA CEREBRAL MÉDIA E 34% NA SEGUNDA; 4% NA BIFURCAÇÃO DA ARTÉRIA BASILAR; 5% A 10% NA JUNÇÃO DAS ARTÉRIAS VERTEBRAIS COM A BASILAR. EM CRIANÇAS, 40% A 45% DOS ANEURISMAS SURGEM NA ARTÉRIA CEREBRAL POSTERIOR. OS ANEURISMAS COSTUMAM TER DE 1 A 30 MILÍMETROS DE DIÂMETRO; CRESCEM COM A IDADE, E TENDEM A SE ROMPER, QUANDO ATINGEM 10 MILÍMETROS DE DIÂMETRO. A PAREDE DOS ANEURISMAS SACULARES É FINA E FORMADA PELA TÚNICA ÍNTIMA E A ADVENTÍCIA, ASSOCIADAS COM PROLIFERAÇÃO CELULAR ABAIXO DA TÚNICA ÍNTIMA. A LÂMINA ELÁSTICA É REDUZIDA OU AUSENTE.

 

ANEURISMA GIGANTE DA ARTÉRIA CEREBRAL MÉDIA

 

UFRJ 78 A3279AneurismaGiganteCerebral

UFRJ78–A3279.– CORTE DE CÉREBRO DE ADULTO NO PLANO FRONTAL. OBSERVE ANEURISMA SACULAR GIGANTE DE ARTÉRIA CEREBRAL MÉDIA, COM TROMBO NA LUZ, COMPRIMINDO OS NÚCLEOS DA BASE, O VENTRÍCULO LATERAL E A SUBSTÂNCIA BRANCA DO HEMISFÉRIO CEREBRAL DIREITO, ASSIM COMO DESLOCANDO E COMPRIMINDO O HEMISFÉRIO CEREBRAL ESQUERDO. OS ANEURISMAS DA ARTÉRIA CEREBRAL MÉDIA CONSTITUEM CERCA DE 18% A 40% DOS ANEURISMAS INTRACRANIANOS. OS ANEURISMAS SACULARES USUALMENTE SURGEM NOS PONTOS DE RAMIFICAÇÃO DA ARTÉRIA. SÃO CONSIDERADOS ANEURISMAS GIGANTES TODOS OS QUE TÊM MAIS DE 2,5 CM DE DIÂMETRO.

 

ANEURISMA DA ARTÉRIA CEREBRAL MÉDIA DIREITA

 

UFRJ 79 A4507 HemorragiaCerebralAneurismaA.CerebralMedia

UFRJ79–A4507.– CÉREBRO DE ADULTO CORTADO NO PLANO HORIZONTAL, COM OS LOBOS FRONTAIS VOLTADOS PARA A MARGEM INFERIOR DA IMAGEM. OBSERVE ÁREA DE HEMORRAGIA, SECUNDÁRIA À ROTURA DE ANEURISMA DA ARTÉRIA CEREBRAL MÉDIA DIREITA, COMPROMETENDO O PUTÂMEN, OS GLOBOS PÁLIDOS E A ÍNSULA DO HEMISFÉRIO CEREBRAL DIREITO.

 

ANEURISMA DA ARTÉRIA CARÓTIDA INTERNA DIREITA

 

UFRJ 80 A3870 HemorragiaCerebralAneurismaA.CarotidaInterna

UFRJ80-A3870. CÉREBRO DE ADULTO CORTADO NO PLANO HORIZONTAL. NA PORÇÃO SUPERIOR ESTÃO OS LOBOS FRONTAIS E NA INFERIOR OS LOBOS OCCIPITAIS. OBSERVE HEMORRAGIA COMPROMETENDO O LOBO FRONTAL E A ÍNSULA, DO HEMISFÉRIO CEREBRAL DIREITO, E OS VENTRÍCULOS LATERAIS, DECORRENTE DE ROTURA DE ANEURISMA DE ARTÉRIA CARÓTICA INTERNA DIREITA.

 

ANEURISMA DA ARTÉRIA CEREBRAL POSTERIOR DIREITA

 

UFRJ 81 A6764AneurismaA.CerebralPostTroncoBasilar

UFRJ81–A6764. – METADE DIREITA DE ENCÉFALO DE ADULTO CORTADO NO PLANO SAGITAL. OBSERVE ANEURISMA SACULAR (SUPERFÍCIE ACASTANHADA) GIGANTE DE ARTÉRIA CEREBRAL POSTERIOR DIREITA, RAMO DA ARTÉRIA BASILAR. CLINICAMENTE COSTUMA HAVER HEMORRAGIA SUBARACNOIDEA AGUDA COM O SURGIMENTO DE CEFALÉIA SÚBITA, RIGIDEZ DE NUCA, NÁUSEAS E DISTÚRBIOS DA CONSCIÊNCIA. ALGUNS PACIENTES PODEM APRESENTAR MANIFESTAÇÕES QUE SIMULAM PROCESSO NEOPLÁSICO OU FENÔMENOS ISQUÊMICOS, COM CEFALEIA CRÔNICA, DISTÚRBIOS VISUAIS E HEMIPARESIA.

 

ANEURISMA GIGANTE DA VEIA CEREBRAL MAGNA

 

UFRJ 83 A410570AneurismaVeiaGaleno

UFRJ83.– A410570. CORTE DE CÉREBRO NO PLANO FRONTAL MOSTRANDO ANEURISMA GIGANTE DA VEIA CEREBRAL MAGNA (GRANDE VEIA DE GALENO), COM TROMBO NA LUZ. OBSERVE, EM AMBOS OS LADOS, DELIMITANDO O ANEURISMA, OS HIPOCAMPOS E OS VENTRÍCULOS LATERAIS, COM OS PLEXOS COROIDES, E, SUPERIORMENTE, O ESPLÊNIO DO CORPO CALOSO. A VEIA CEREBRAL MAGNA FORMA-SE PELA UNIÃO DAS DUAS VEIAS CEREBRAIS INTERNAS, QUE DRENAM AS PARTES PROFUNDAS DOS HEMISFÉRIOS CEREBRAIS. O SEIO RETO, QUE SE LOCALIZA NA UNIÃO DA FOICE DO CÉREBRO COM A TENDA DO CEREBELO, DRENA A VEIA CEREBRAL MAGNA E O SEIO SAGITAL INFERIOR, LEVANDO O SANGUE PARA A CONFLUÊNCIA DOS SEIOS (TÓRCULO OU PRENSA DE HERÓFILO), O QUAL REÚNE OS SEIOS SAGITAL SUPERIOR, O RETO E OS DOIS SEIOS TRANSVERSOS OCCIPITAIS DA DURA-MÁTER. ESTE TIPO DE ANEURISMA CONSTITUI UMA RARA MALFORMAÇÃO VASCULAR CONGÊNITA COM DERIVAÇÃO ARTERIOVENOSA, GERANDO INSUFICIÊNCIA CARDÍACA DE ALTO DÉBITO, EFEITO DE MASSA, HIDROCEFALIA, HEMORRAGIA E ISQUEMIA CEREBRAIS, HEMIPARESIA, E CONVULSÕES, ENTRE OUTROS COMPROMETIMENTOS NEUROLÓGICOS.

 

HEMORRAGIA SUBARACNOIDEA NA BASE DO ENCÉFALO

POR ROTURA DE ANEURISMA

 

UFRJ 84 A 163 82HemorragiaCerebral Aneurisma

UFRJ84–A163-82.– ENCÉFALO DE ADULTO, OBSERVADO PELA SUPERFÍCIE INFERIOR, APRESENTANDO HEMORRAGIA NO ESPAÇO SUBARACNOIDEO DO TRONCO ENCEFÁLICO, COM EXTENSÃO PARA O MESMO ESPAÇO DOS LOBOS FRONTAIS, DECORRENTE DE ROTURA DE ANEURISMA. OBSERVE O EDEMA CEREBRAL, PELO ALARGAMENTO DOS GIROS E O ESTREITAMENTO DOS SULCOS ENTRE AS CIRCUNVOLUÇÕES CEREBRAIS. NOTE O AUMENTO DA TONSILA CEREBELAR DIREITA.